Estereótipos e a venda de destinos turísticos

Contribuição: Gilcimar Dantas

As propagandas para atrair turistas sempre exageram. No caso do estado da Bahia não seria por menos: um lugar aonde todos estão sorrindo o dia inteiro, aonde o sol está brilhando e não chove o ano todo e que há uma alegria que emana em todo lugar. Num estado tão contraditório, um dos estados mais pobres do país e o sexto em geração de renda, isso mais parece uma brincadeira de mal gosto.

2 comentários sobre “Estereótipos e a venda de destinos turísticos

  1. O mais intrigante é que assistindo ao vídeo, mesmo com uma postura crítica, somos contagiados por toda esta falsa “baianidade”. Prova que mesmo com avaliações mais criteriosas e prudentes, a força e poder dos estereótipos (e da publicidade) sobre a nossa percepção e comportamento são muito intensas.

  2. Realmente o vídeo é deveras contagiante e mesmo eu sendo baiano, com esta veiculação dá vontade de conhecer a Bahia. Eis aí a força estereotipada retratada na credibilidade dos ícones baianos e que em nenhum momento transcende o lado negro dos guetos, da criminalidade, o tráfico de drogas, dos pedintes e dos que alimentamos aos sábados na sarjeta isso sem contar com as grades que colocamos em nossa casa protegendo portas e janelas para dificultar a entrada não autorizada dos ditos delinquentes.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s