Estereótipos e gênero: casamento entre lésbicas

Contribuição: Ana Amélia Amorim

Notícia publicada no portal G1 destaca o primeiro casamento entre lésbicas na Aregentina. Clique aqui para ler a notícia.

Autor: Marcos E. Pereira

Professor do Departamento de Psicologia e do Programa de Pós-Graduação em Psicologia (Mestrado e Doutorado) da Universidade Federal da Bahia. O currículo Lattes pode ser acessado no site http://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.jsp?id=K4799492A6

2 comentários em “Estereótipos e gênero: casamento entre lésbicas”

  1. Imagino que essas criaturas devem ter enfrentado ao longo da vida uma série de barreiras, devido aos estereótipos dos quais certamente foram vítimas em face do gênero, orientação sexual e principalmente pela busca incessante de fazer valer os seus direitos e simplesmente buscar viver em conformidade com as suas naturezas.

    A conquista que ora atingiram (o matrimônio)representa a quebra de paradigmas e pricipalmente um passo importante em direção ao reconhecimento social, à legitimidade dessas uniões e com vistas a contribuir na redução da força negativa que traz consigo o estereótipo de gay.

    Curtir

  2. Muito interessante o artigo! Acho que se as pessoas se amam e se respeitam a ponto de conviverem durante 30 anos tem todo o direito de tornar oficial essa união. E mais parebéns por não desistirem, mesmo com o passar do tempo

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s