O processo de socialização e os estereótipos

Contribuição: Daiana Nogueira e Elisa Maria Araújo


Esta é uma rápida cena do filme “Pequena Miss Sunshine”, que ilustra o percurso de uma garota rumo a um Concurso de beleza e dança. Neste concurso, as pequenas garotas são avaliadas de acordo com seus atributos estéticos, que são influenciados pelos estereótipos apresentados pelas mulheres candidatas ao “Miss Mundo”. Não só nesta cena, como em todo filme, vemos a estereotipização infantil de comportamentos e características físicas que são oriundos do universo adulto. Desde a sua mais terna socialização, portanto, os indivíduos são impactados pelos mais diversos estereótipos acerca do que é mais “favorável” e “valorizado” socialmente.

2 comentários sobre “O processo de socialização e os estereótipos

  1. Excelente filme. É assutador como na busca por características adultas essas meninas viram verdadeiros monstrinhos. A de lacinho rosa fisgava o papel de namorada do Chuck fácil, fácil.

  2. As crianças em sua santidade sapiência, vivendo no ambiente reificado que as cerca, atreladas a um processo ontogenético, possivelmente também pelas características filogenéticas passarão para a posteridade os seus caracteres, que segundo Darwin, eram o serem bem sucedidos. Aí esvai-se a sigeleza, a beleza e até mesmo o sentido angelical quando se agraga valor à crença do estereótipo da criança como pequeno adulto.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s