Um comentário sobre “Estereótipos e publicidade: tecendo a própria sorte

  1. OLÁ, MARCOS!
    PARABÉNS PELA PREOCUPAÇÃO PELO TEMA CRUCIAL, VITAL DOS ESTEREÓTIPOS! ESTOU NESSA HÁ MUITOS ANOS E QUASE FIZ UMA PÓS NO QUE SE REFERE À ORIGEM (NÃO O FIZ POR MOTIVOS DE FORÇA MAIOR).
    AGORA PERCEBO A QUESTÃO DA IDADE: SERÁ QUE OS/AS QUE ESTÃO PELO FIM DESSA CRUEL FORMA A MAIS DE EXCLUIR OS HUMANOS AINDA NÃO PERCEBERA,M, POR EXEMPLO,NA CARGA PEJORATIVA DA PALAVRA “COROA”?

    TODOS/AS PELA IRMANDADE HUMANA, SEM RESTRIÇÕES!
    ABRAÇAO,

    CRISTINA.

Deixe uma resposta para maria cristina a. de azeredo Cancelar resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s