Meu nome é Khan!

Contribuição: Wilma Ribeiro
Professora do Curso de Psicologia
Faculdade Adventista da Bahia

Meu nome é Khan! Um filme interessante para se analisar os estereótipos e o preconceito étnico. Trata-se da história de Khan (Shahrukh Khan- mesmo sobrenome na vida real), portador da síndrome de Asperger, que quando criança aprende de sua mãe muçulmana que a única diferença que existe entre seres humanos é entre bons e maus. Ao tornar-se adulto vai morar em São Francisco – EUA, casa-se com uma hindu e após o ataque às torres gêmeas – 11 de setembro de 2001 – a sua vida muda completamente. A xenofobia contra muçulmanos acaba tornando a dinâmica social e psicológica da família de Khan insuportável. A jornada de Khan que é apresentada no filme trata-se de sua tentativa de provar que não é um terrorista. Recomendo!

Notícia do dia: estereótipos e GPS

Os japoneses, sempre inovadores, acabam de desenvolver um GPS capaz de mostrar aos motoristas as áreas de alta incidência de crimes e indicar os caminhos que permitem evitar a passagem nestas áreas quentes. Os fabricantes norte-americanos relutam em adotar esta tecnologia, com o receio de que as áreas identificadas pelo software do aparelho tenham sido circunscritas a partir de informações fundamentadas em estereótipos étnicos e raciais. Leia a matéria publicada no website australiano Smarthouse.